Área de alunos

Cidadania espanhola: quem tem direito e como conseguir tirar

A cidadania espanhola é acessível a diversos grupos, incluindo descendentes diretos de espanhóis, pessoas casadas com cidadãos espanhóis, indivíduos nascidos na Espanha, filhos de pais que nasceram no país e aqueles que residem na Espanha por um período específico. Os critérios podem variar conforme a situação familiar ou de residência.
Cidadania espanhola

Compartilhe

A cidadania espanhola é uma porta de entrada para inúmeras oportunidades na Espanha e na União Europeia. É um passo importante para quem busca estabelecer laços mais profundos com o país, seja por questões familiares, casamento ou residência.

Entender quem tem direito a essa cidadania e como é possível conquistá-la é fundamental para aqueles que almejam essa conexão com a cultura e a sociedade espanhola. Neste artigo, vamos ver detalhadamente os critérios para a cidadania espanhola e os passos necessários para obtê-la.

📒

Ebook com as melhores dicas para aprender inglês.

Baixe o ebook completo com tudo que você precisa saber para aprender inglês começando do zero, baixe gratuitamente agora!

Rank oficial dos melhores cursos de espanhol

Precisando aprender espanhol mas não sabe por onde começar? Conheça agora nossa lista com os melhores cursos de espanhol de 2023 e veja qual será o melhor para você e seu bolso.

Quem tem direito a cidadania espanhola?

A cidadania espanhola é concedida a diferentes grupos de pessoas, levando em consideração diversos critérios. Vamos ver quem tem esse direito:

  • Descendência: Se você é filho de espanhol emigrado, filho de espanhol que não nasceu na Espanha mas manteve a nacionalidade após a maioridade, ou esteve sob a guarda de um espanhol na menoridade, pode ter direito à cidadania.
  • Casamento: Cônjuges de cidadãos espanhóis podem pleitear a cidadania, contanto que cumpram certos requisitos legais.
  • Local de nascimento: A legislação espanhola também considera quem nasceu na Espanha, mas cujo país de origem não transmite automaticamente a cidadania. Isso se aplica a filhos de estrangeiros nascidos na Espanha.
  • Pais de crianças nascidas na Espanha: Pais de crianças nascidas na Espanha podem solicitar a cidadania se o país de origem não atribuir automaticamente a nacionalidade aos filhos nascidos em solo espanhol.
  • Residência: A cidadania espanhola também pode ser adquirida por residência, geralmente exigindo um período de tempo vivendo legalmente na Espanha, seja para brasileiros ou estrangeiros de outras nacionalidades.

Como conseguir a cidadania espanhola?

Existem vários processos para conseguir tirar a cidadania espanhola, abaixo vamos ver as principais formas dependendo do seu perfil.

Descendência

Para aqueles que se enquadram nos critérios de descendência para a obtenção da cidadania espanhola, é fundamental compreender os passos necessários para dar entrada no processo:

Verificação de elegibilidade

Certifique-se de que você se encaixa nos critérios de descendência estabelecidos pelas leis espanholas. Isso pode incluir ser filho de espanhol emigrado, filho de espanhol que não nasceu na Espanha mas conservou a nacionalidade, ou estar sob a guarda de um espanhol durante a menoridade, entre outros casos específicos.

Reúna a documentação necessária

Prepare todos os documentos exigidos, como certidões de nascimento, casamento (se aplicável), identidade, e outros documentos que comprovem a relação de descendência com o espanhol, de acordo com o seu caso específico.

Submissão do pedido

Após reunir toda a documentação necessária, proceda com o pedido de cidadania espanhola, que pode ser realizado em um Consulado Espanhol no exterior ou diretamente na Espanha, dependendo da sua situação.

Prazos e taxas

Esteja ciente dos prazos de processamento do pedido e das taxas associadas ao processo. Cada caso pode ter exigências e prazos diferentes, portanto, é importante estar informado sobre esses detalhes específicos.

Lembre-se de que o processo pode variar dependendo do caso individual e é recomendável buscar orientação legal ou consular para garantir a correta aplicação dos requisitos legais.

Casamento

O casamento com um cidadão espanhol pode ser uma via para adquirir a cidadania espanhola. No entanto, o simples fato de casar com um espanhol não garante automaticamente a cidadania; há processos a serem seguidos:

Tempo de casamento

Normalmente, o cônjuge estrangeiro de um cidadão espanhol pode solicitar a cidadania após um período mínimo de casamento. Esse tempo pode variar, mas geralmente é exigido um período de residência legal na Espanha.

Comprovação do vínculo

É fundamental demonstrar a autenticidade e legitimidade do relacionamento. Isso pode incluir apresentar evidências de convivência, como contas conjuntas, registros de viagens, fotos e outros documentos que atestem a relação.

Processo de solicitação

O processo de solicitação pode incluir a apresentação de documentos pessoais, certidões de casamento, comprovantes de residência e outros documentos exigidos pelas autoridades espanholas.

Exigências adicionais

Além disso, podem ser solicitados exames de proficiência no idioma espanhol e conhecimento sobre a cultura e a sociedade espanhola (DELE e CCSE), dependendo das circunstâncias do pedido.

É importante lembrar que cada situação de casamento pode ter requisitos e processos específicos, e buscar orientação legal pode facilitar e agilizar o processo.

Local de nascimento

O local de nascimento também pode ser um critério para a aquisição da cidadania espanhola. Existem circunstâncias específicas que podem conferir direito à nacionalidade espanhola:

Nascidos em território espanhol

Se você nasceu na Espanha, independentemente da nacionalidade dos seus pais, pode ter direito à cidadania espanhola. No entanto, há exceções: se os pais forem estrangeiros e o país deles não conceder automaticamente a nacionalidade aos filhos nascidos fora do país, o nascimento na Espanha pode garantir a cidadania.

Condições específicas

Caso as leis do país de origem dos pais estabeleçam que uma criança nascida fora de seu território não adquira automaticamente a cidadania, a legislação espanhola pode oferecer a possibilidade de solicitar a nacionalidade espanhola.

Essas circunstâncias variam de acordo com a legislação de cada país e da legislação espanhola vigente. É fundamental buscar orientação jurídica para entender plenamente os critérios e requisitos específicos nestes casos.

Pais de crianças nascidas na Espanha

Os pais de crianças nascidas na Espanha podem se beneficiar de critérios específicos relacionados à nacionalidade espanhola. Aqui estão algumas considerações importantes:

Cidadania para pais de crianças nascidas na Espanha

Se uma criança nasce na Espanha de pais estrangeiros, a legislação sobre nacionalidade do país de origem dos pais pode influenciar a obtenção da cidadania espanhola para esses pais.

Caso o país de origem dos pais não conceda automaticamente a nacionalidade aos filhos nascidos fora do país, a legislação espanhola pode possibilitar que esses pais solicitem a cidadania espanhola.

Requisitos e legislação específica

É essencial entender as leis de cidadania tanto da Espanha quanto do país de origem dos pais para determinar se há elegibilidade para a cidadania espanhola. Isso envolve verificar se o país de origem dos pais concede automaticamente a nacionalidade aos filhos nascidos fora do país.

Orientação legal

Devido à complexidade das leis de cidadania e suas interações em contextos internacionais, é altamente recomendável buscar assistência legal especializada para entender completamente os requisitos e procedimentos específicos para obter a cidadania espanhola nesses casos. O apoio jurídico pode esclarecer as condições individuais e ajudar a navegar pelo processo de forma eficaz.

Residência

Para aqueles que desejam obter a cidadania espanhola e não têm vínculos diretos por descendência, a residência é uma das vias para alcançar esse objetivo.

Cidadania por residência na Espanha

Residir legalmente na Espanha pode levar à obtenção da cidadania. O período de residência requerido varia dependendo das circunstâncias individuais. Geralmente, para estrangeiros sem ascendência espanhola, o período mínimo de residência contínua é de dois anos.

No entanto, há redução desse tempo para brasileiros e ibero-americanos, que pode ser de apenas dois anos.

Descendentes de espanhóis

Para descendentes de espanhóis, como netos ou filhos de espanhóis, o tempo de residência necessário pode ser ainda menor. Em alguns casos, a legislação permite um ano de residência para netos, filhos maiores, cônjuges, entre outros.

Requisitos e documentação

Além do tempo de residência, existem requisitos específicos a serem cumpridos para solicitar a cidadania espanhola por residência. Isso pode incluir demonstrar a integração na sociedade espanhola, conhecimento básico do idioma e cultura, bem como a ausência de antecedentes criminais.

Processo e assessoria

O processo para obter a cidadania por residência envolve a preparação de documentação adequada, o preenchimento de formulários e a submissão de requerimentos. Devido à complexidade dos procedimentos e requisitos legais, a assessoria especializada pode ser valiosa para orientar e facilitar esse processo.

Quanto custa o processo de cidadania espanhola

O custo para obter a cidadania espanhola varia dependendo do tipo de processo e das circunstâncias individuais. Gastos com documentação, taxas administrativas e outros trâmites podem compor o valor total. Aqui está uma visão geral dos possíveis custos envolvidos:

Custo da nacionalidade por residência

Para o pedido de cidadania por residência na Espanha, a taxa de solicitação pode ser de 104,05€. Além disso, há despesas adicionais, como os exames DELE (Certificado de Espanhol, custando aproximadamente 134€) e CCSE (Conhecimentos Constitucionais e Socioculturais da Espanha, custando cerca de 85€).

Estes valores podem variar e é recomendável verificar as taxas atualizadas no momento do pedido.

Documentação e procedimentos

Os custos com documentação também precisam ser considerados. Certidões de nascimento, casamento, antecedentes criminais e outras certificações podem ter taxas de emissão e tradução, especialmente se necessitarem de apostilamento.

Assessoria legal e consultoria

Se optar por serviços de assessoria jurídica especializada para auxiliar no processo, os honorários do profissional ou escritório contratado também devem ser considerados.

Despesas adicionais

Além dos valores específicos ligados ao processo, há outros gastos como deslocamento para realização de trâmites, se necessário, e possíveis custos de autenticação de documentos.

Importância da preparação financeira

É essencial estar preparado financeiramente para cobrir todos esses custos. Uma análise cuidadosa dos valores envolvidos, o planejamento financeiro e a busca por orientação especializada podem facilitar o processo, garantindo uma solicitação eficiente e completa.

📒

Ebook com as melhores dicas para aprender inglês.

Baixe o ebook completo com tudo que você precisa saber para aprender inglês começando do zero, baixe gratuitamente agora!

Rank oficial dos melhores cursos de espanhol

Precisando aprender espanhol mas não sabe por onde começar? Conheça agora nossa lista com os melhores cursos de espanhol de 2023 e veja qual será o melhor para você e seu bolso.

Perguntas frequentes sobre cidadania espanhola

Como um brasileiro pode conseguir cidadania espanhola?

Um brasileiro pode obter a cidadania espanhola de várias maneiras, como por descendência, casamento com espanhol(a), nascimento na Espanha, residência ou até mesmo por meio de netos de espanhóis, dependendo das leis de nacionalidade espanhola em vigor.

Quem tem direito a solicitar cidadania espanhola?

A elegibilidade para solicitar a cidadania espanhola varia de acordo com diferentes circunstâncias, como ser descendente de espanhol, cônjuge de espanhol, nascer na Espanha, viver por um determinado período no país ou ter pais de crianças nascidas na Espanha.

Qual o grau de parentesco para conseguir cidadania espanhola?

O grau de parentesco que pode dar direito à cidadania espanhola inclui filhos, netos e até bisnetos de espanhóis, dependendo das leis específicas e das circunstâncias individuais. O relacionamento com um espanhol pode ser determinante para a obtenção desse direito de cidadania.

Esse artigo foi útil para você? 🤔
Deixe seu comentário!

Nos siga:

Seu Idioma

Seu Idioma

Equipe de redação da Seu Idioma. Todos os conteúdos são revisados por professores e atualizados periodicamente.

Separamos mais esses artigos para você:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima